Patagônia

Um paraíso chamado Patagônia

No mundo existem muitas maravilhas a serem exploradas e algumas estão mais próximas do que imaginamos. Um desses casos é a Patagônia, um destino que fica entre as fronteiras da Argentina e do Chile, lugar muito fascinante. Repleta de cantos intocados e misteriosos, a Patagônia acaba gerando dúvidas sobre o que conhecer primeiro.

Viaje para Patagônia com a AD Turismo

“A Patagônia sempre atraiu turistas de toda parte por ser um dos lugares mais lindos do mundo. Com mais de 1 milhão de km2 localizados entre os territórios da Argentina e do Chile, a região possui paisagens inóspitas, glaciares e vida selvagem única. Sempre muito procurada por aventureiros, o destino é cada vez mais visitado também por turistas que desejam se maravilhar por suas belezas naturais”, explica Arnaldo Franken, sócio da AD Turismo.

Ele explica que são muitos pontos a serem explorados, mas Bariloche, na Argentina, é geralmente o primeiro destino patagônico para muitos turistas brasileiros e de onde se pode iniciar a travessia de lagos até Puerto Montt, no Chile. Esse trajeto é realizado por meios terrestres somados a navegações por três lindos lagos, que permitem vislumbrar belas e coloridas paisagens dessa região dos lagos da Patagônia.

Mas o especialista em turismo aponta outros destinos que não podem deixar de ser visitados, do lado argentino:

– Ushuaia, a cidade mais austral do mundo. Conhecida como fim do mundo ou terra do fogo, é habitat de muitas espécies marinhas e reserva belíssimas navegações através do Canal de Beagle.

– Calafate, onde se encontra um dos pontos mais famosos da Patagônia Argentina, o impressionante glaciar Perito Moreno, maior geleira horizontal do mundo.

– Península Valdés, ainda pouco visitada, principalmente pelos brasileiros, abriga uma enorme diversidade de animas e espécies em seu âmbito natural. Nela, variando de acordo com a sazonalidade, é possível avistar baleias francas, lobos e elefantes marinhos, pinguins, orcas, golfinhos e aves marinhas.

Já o mais famoso destino da Patagônia chilena é o Parque Nacional Torres del Paine. A região reserva belíssimas paisagens com trilhas, picos, lagos e muita vida selvagem. Puerto Natales é o ponto de partida de muitos passeios da região e onde se concentram a maioria das opções de hospedagem.

Como se preparar

Para essa viagem, por serem países vizinhos com os quais o Brasil tem ótima relação, não é preciso muitas preocupações. O importante é se preparar para a oscilação e tipos diversos de clima. Levar na bagagem itens como protetor solar, óculos de sol, boné, capa de chuva, bons calçados para caminhadas e agasalhos é muito importante.

A parte financeiramente mais acessível da Patagônia está do lado argentino, com preços mais econômicos. Um pacote a Ushuaia e Calafate de 6 noites custa em torno de R$ 5.000 por pessoa enquanto um pacote de 5 noites para Torres del Paine custa em torno de R$ 6.300 por pessoa. O verão é a melhor época para ir à Patagônia. No inverno alguns passeios não são possíveis de serem realizados e muitos hotéis fecham suas portas.

Conheça outras soluções do Grupo Alliance!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *