Especialista alerta sobre perigo que pode existir por trás das apostas da Mega-Sena

A maioria dos brasileiros já sonhou em se tornar milionário da noite para o dia e deixar de depender apenas do salário que se ganha para poder realizar os seus sonhos.

Com a chegada do fim de ano, as apostas da Mega-Sena da Virada aumentam consideravelmente o número de pessoas que desejam ganhar os R$ 240 milhões previstos como premiação. Mas, nem sempre gastar muito com apostas pode fazer com que o sonho se torne realidade, segundo o educador financeiro Reinaldo Domingos.

Faltando poucos dias para o sorteio, a oportunidade de se tornar um dos ganhadores do prêmio é de uma em 50.063.860, de acordo com a Caixa Econômica Federal (CEF). As apostas podem ser realizadas até às 13h do dia 31 de dezembro, ao custo mínimo de R$ 2,50. O relativo baixo valor das apostas e o alto valor do prêmio tem feito cada vez mais pessoas gastarem suas economias para tentar levar essa bolada para casa.

Com a premiação, se houver apenas um ganhador, ele vai poder comprar mais de 6.800 carros populares no valor de R$ 35 mil cada; mais de 1.200 imóveis no valor de R$ 190 mil; ter mais de 75.000 iPhones 6 no valor de R$ 3.199 ou aplicar todo o valor na poupança por um período de um ano e ter, só de renda, sem descontar nada, mais de R$ 1 milhão por mês.

A comerciante Germana Freitas da Silva, de 44 anos, disse que todo mês aposta na Mega-Sena e não deixa passar a Mega da Virada, mas ela explica que não é viciada. “Não sou viciada, de maneira alguma. Faço minhas apostas sem comprometer minha renda mensal, sem nenhum problema, e ainda espero ficar muito rica”, afirmou.

Já o operador de caixa Thomaz Marinho, de 26 anos, falou que não joga com muita frequência, mas só quando os valores sorteados são muito altos. “A Mega da Virada é uma chance ímpar de fica milionário; não posso deixar passar”, disse.

Segundo o educador financeiro Reinaldo Domingos, nem sempre as pessoas se dão conta do que gastam com as apostas e acabam prejudicando as finanças pessoais ou familiares para tentar uma chance de se tornar milionário. “Embora a situação seja de euforia, é preciso cautela. Fazer uma fé, destinando pequenos valores para esta finalidade, faz parte da brincadeira e é divertido. No entanto, há pessoas que se tornam ‘viciadas’ em apostar, o que, ao invés de ajudar, atrapalha as finanças pessoais”, contou.

Reinaldo disse que um dos grandes erros das pessoas é achar que só podem se tornar independentes financeiramente através das apostas em jogos, como o da Mega da Virada. “Chegar a uma fase da vida em que não precisa mais trabalhar por necessidade, apenas por prazer, é um mérito de quem busca se educar financeiramente. O problema não é apostar, mas não ter consciência desses atos e apostar o seu futuro nisso. Se quiser realmente ter chances de ter o dinheiro para sua segurança financeira o caminho é ter sonhos e buscar educar-se financeiramente”, concluiu.

Fonte: http://portalcorreio.uol.com.br/noticias/economia/consumidor/2014/12/27/NWS,251968,10,171,NOTICIAS,2190-ESPECIALISTA-ALERTA-SOBRE-PERIGO-EXISTIR-TRAS-APOSTAS-MEGA-SENA.aspx

Leia também:

-Norte e Centro-Oeste têm mais caloteiros, mostra pesquisa
-Estudo prevê elevação do teto do MEI para R$ 120 mil
-Fiscalização Eletrônica e o Sistema de Auditoria Fiscal da PP&C