Educação financeira: Priorize seus sonhos

De acordo com Educador Financeiro DSOP, despesas devem ser pagas após subtrair o dinheiro destinado aos objetivos

Dentro de um orçamento financeiro comum, criou-se o hábito de primeiramente pagar as despesas logo quando se recebe os ganhos. Mas e os sonhos? Onde entram os nossos desejos materiais?

Segundo o Educador Financeiro DSOP Bruno Chacon, este tipo de orçamento não é o mais adequado. “A melhor forma de fazer um orçamento financeiro é darmos prioridades aos sonhos, sendo que devemos registrar nossas receitas, subtrair o valor destinado aos nossos objetivos e o saldo desta conta deve adequar-se ao nosso padrão de vida, ou seja, nossas despesas”, apontou.

Chacon afirma o foco deve ser esse principalmente para que as pessoas se sintam mais motivadas e felizes.

“Se priorizarmos nossas despesas, sempre estaremos focados em pagá-las, onde perderemos muito tempo e dinheiro. Viver pagando despesas, cada vez menos sonhos serão realizados e viveremos sempre desmotivados”, explicou o especialista. “Agora, se priorizarmos nossos sonhos, estaremos motivados a realizá-los. Quando as metas forem alcançadas, aproveitaremos cada segundo daquele momento, que nos dará uma nova injeção de ânimo para continuarmos no caminho certo para conquistar novos sonhos.”

O Educador Financeiro DSOP acredita também que esta é uma ótima forma de se educar financeiramente. “Imagine que seu sonho de curto prazo seja uma viagem por ano e o de longo prazo seja sua independência financeira. A cada viagem anual que você faz, além de estar brindando com sua família aquele momento único, você também está afirmando a si próprio que está no caminho certo e cada vez mais próximo de alcançar sua independência financeira”, disse Chacon. “Estando nesse caminho, focado em realizar seus sonhos, você automaticamente deixará de ter gastos supérfluos e, dessa maneira, suas despesas automaticamente estarão pagas, isso é, se você ainda as tiver”, finalizou.

Fonte DSOP Educação Financeira